São Paulo - Brasil

  • Cartaz Policia
  • PAINEL-C
  • metronews---sos
  • greve2

Diretoria Sindpesp

Conheça um pouco da atual diretoria do SINDPESP

Melão

melao

Natural de Teresina, Piauí, George Melão chegou ao Estado de São Paulo em 1.970, (Melão contava com 8 anos de idade). Fixou residência no município de São Caetano do Sul. Lei mais

 

.

.
 

 

Imprimir

Presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, afirma que o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, é o principal opositor à PEC 443/09

PEC 443

O presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo – SINDPESP, George Melão, a convite do Deputado Federal Gilberto Nascimento (PSC/SP), participou no dia 9 de abril do corrente ano, juntamente com a ADEPOL do BRASIL e de outras entidades representativas dos Delegados de Polícia, de uma reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB/RJ).

O encontro teve como objetivo verificar a possibilidade e viabilidade para que PEC 443/09 entre na pauta de votação.

Durante a reunião, o presidente da Adepol do Brasil, Carlos Eduardo Benito Jorge (Dudu), fez um breve histórico da tramitação do projeto ao presidente da Casa e expôs os argumentos da categoria. “O impacto deste projeto para a maioria dos estados é zero, ou muito baixo, uma vez que alguns estados já estão contemplados com a carreira jurídica e tem salários já ajustados com o que propõe a PEC”, afirmou Carlos Eduardo.

O deputado Gilberto Nascimento (PSC-SP) pediu prioridade para a votação da proposta, que está pronta para entrar na pauta do Plenário. Segundo o deputado Gilberto Nascimento, em pelo menos 14 estados  já há isonomia salarial para os delegados e advogados públicos em relação às demais carreiras jurídicas.

O presidente Eduardo Cunha, de maneira prática e objetiva, alertou aos presentes que, em seu entender, ainda não era o momento de inserir a PEC 443 na pauta e orientou para que prosseguíssemos no trabalho de convencimento dos parlamentares, principalmente dos líderes partidários.

Ressaltou ainda que alguns governadores estariam contra a PEC 443/2009, sendo que o principal opositor é o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, justamente com a alegação de que acarretaria um grande impacto orçamentário.

A presidente da Associação dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo –ADPESP, Marilda Pansonato Pinheiro, também presente na reunião, informou que conversaria com o Governador Geraldo Alckmin a respeito. 

Imprimir

COMUNICADO AOS DELEGADOS(AS) SINDICALIZADOS(AS)

SINDICATO DOS DELEGADOS DE POLÍCIA DO ESTADO DE SÃO PAULO – SINDPESP, em parceria com a ORGANIZAÇÃO CONTÁBIL ITAÚNA LTDA, está colocando a disposição de seus Filiados, sem ônus, a prestação de serviços para a elaboração da “Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física” para o exercício de 2014.

Informações Gerais:

1 – os serviços consistem na elaboração, conferência e entrega, via internet, da declaração do IRPF/2015, acompanhamento do processamento e, comunicação do resultado final.

2 – os serviços serão disponibilizados no período de 09 de março a 25 de abril/2015.

3 – os interessados deverão entrar em contato com este Sindicato, através do telefone (11) 3337-4578, das 9h30m às 17h00, para cadastro, obtenção de senha e maiores informações.

4 – com a senha, o Associado entrará em contato com o escritório contábil, nos telefones (11) 3228-9898, 3229-6727, das 10h00 às 16h00, para agendar data, local (Sindicato ou Escritório) e hora para efetuar sua declaração.

Na oportunidade do agendamento, será esclarecido sobre quais informações e documentos deverão ser apresentados para o preenchimento do formulário de declaração do imposto de renda.

São Paulo, 23 de fevereiro de 2015

Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo 

 Organização Contábil  Ituana Ltda.

                                                                                           

                

Imprimir

PEC 443/2009 É APROVADA NA COMISSÃO ESPECIAL DA CÂMARA DOS DEPUTADOS

 

JMentorPNGA Comissão Especial da Câmara dos Deputados, aprovou nesta quarta-feira (10/12) relatório do deputado Mauro Benevides (PMDB-CE). A proposta vincula o subsídio das carreiras jurídicas, incluindo Delegados de Polícia, Advocacia-Geral da União (AGU) e Procuradorias dos Estados e do Distrito Federal, ao subsídio dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). Segundo a PEC, o subsídio do nível mais alto dessa carreira equivalerá a 90,25% do subsídio mensal dos ministros, que é hoje R$ 28.059.

Diretoria

Dr. George Melão Presidente melao
16 Abr 2015 14:47Presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, afirma que o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, é o principal opositor à PEC 443/09

O presidente do Sindicato dos Delegado [ ... ]

25 Fev 2015 17:08

SINDICATO DOS DELEGADOS DE POL&Ia [ ... ]

15 Dez 2014 22:08PEC 443/2009 É APROVADA NA COMISSÃO ESPECIAL DA CÂMARA DOS DEPUTADOS

  A Comissão Especial da Câmara  [ ... ]

10 Dez 2014 10:26PEC 01/2014 - CAMPOS MACHADO

CAMPOS MACHADO QUER ISONOMIA DE DELEGA [ ... ]

28 Nov 2014 19:26

No dia 2 de dezembro, às 18h30min, no [ ... ]

21 Nov 2014 12:49

Evento realizado nos dias 17 e 18 de nov [ ... ]

17 Nov 2014 23:44

O Sindicato de Delegados de Polícia do  [ ... ]

13 Nov 2014 11:32

COMUNICADO IMPORTANTE ADPJ PARA DELEGAD [ ... ]

05 Set 2014 17:48Candidatos visitam o SINDPESP

04 Ago 2014 15:26Candidatos visitam o SINDPESP